Ana Carolina (esq.) já fiscaliza a mãe, Débora (dir.), enquanto lavam a louça (Foto: Valéria Bini)

A educação ambiental já faz parte da educação escolar de base. As crianças, além de levarem esse ensinamento para suas vidas, também aplicam o que sabem dentro de casa e ajudam os pais nesse papel tão importante para o planeta.

A engenheira agrônoma Débora Cristina Maia já sente na pele essa mudança. Aos sete anos, sua filha, Ana Carolina Maia Nogueira, é a grande responsável pelo controle do consumo de água na casa.

“Ela sempre fala ‘fecha a torneira senão vai acabar a água do planeta’ ou então pede para a gente fazer xixi no banho para economizar a descarga”, conta a mãe.

O envolvimento em atividades práticas potencializa o comprometimento dos jovens, que já são sensíveis a essas questões. E, para que tudo dê certo, os professores têm participação indispensável nesse processo.