Muitas pessoas passam seus dias nos ambientes de trabalho, algumas vezes até mais tempo que em casa. Por isso, a sustentabilidade também é importante nesses lugares, apesar de muitas vezes esquecida.

Segundo Ursula Longo, gerente de relações públicas do Greenpeace no Brasil, essas atitudes são essenciais, principalmente dentro da Ong.

“A questão da conscientização começa no processo seletivo. Não tem como trabalhar em uma organizaão como o Greenpeace sem estar engajado com a causa”, comenta Ursula.

No dia-a-dia da empresa, os funcionários já se acostumaram com várias atitudes, importantes para a preservação da natureza.

Por isso, algumas dicas são importantes para que a sustentabilidade seja praticada:

1. Imprimir apenas o essencial e, sempre que possível, imprimir na frente e no verso das folhas.

2. Desligar os equipamentos na saída e na hora do almoço, inclusive o stand-by e as lâmpadas.

3. Modificar o protetor e o fundo de tela para opções mais escuras. A iluminação clara no monitor gasta mais energia.

4. Notebooks gastam menos energia que computadores de mesa.

5. Dar caronas a colegas que moram na mesma região.

6. Evitar o uso de lixeiras pessoais. Normalmente, os funcionários não se preocupam tanto com a separação do lixo, jogando todos os materiais em uma única cesta. A solução é o uso das lixeiras coletivas, com a separação entre os materiais.

7. Trocar os copos de plástico por copos de vidro ou canecas.

8. Cuide com os cartes de visita. Usar papel reciclado e tintas à base de soja sempre que possível e não desperdiçar, usar apenas quando necessário.

9. Trocar o máximo possível o uso do papel para o meio eletrônico.

10. Um passo maior é fazer um cálculo aproximado da emissão de carbono da empresa e compensar com outras atitudes, como o plantio de árvores.