Ser sustentável não é uma tarefa das mais fáceis em pleno século 21. Somos diariamente bombardeados, de todos os lados, por produtos e situações que nos fazem ignorar a importância de termos cuidado com nosso planeta e, principalmente, com as pessoas. Parafraseando o clássico filme dos anos 50, definitivamente o pecado mora ao lado. Mas o que fazer para deixar o pecado de lado e de fato buscar incansavelmente uma vida mais sustentável?

Existem aqueles que exageram um pouco, que vão ao extremo, e negam tudo e todos que não pensem da mesma forma que ele. E há também aqueles que simplesmente dão de ombros e insistem em dizer que não é problema deles. Proponho então ficar no meio do caminho ou em cima do muro, nem pra lá nem pra cá, pois o importante é ter consciência de cada ato que tomamos no dia-a-dia e sabermos que uma atitude, boa ou ruim, tem reflexos sérios na vida das pessoas.

O que é fácil fazer, temos que fazê-lo todos os dias, sem exceção. O que é mais difícil, precisamos buscar fazê-lo o mais frequentemente possível. Se você acha que já faz o suficiente, ou mais que o suficiente, vou dar uma dica de um blog criado por Mike Lieberman, um amigo da natureza, que decidiu tomar uma atitude sustentável por dia, durante um ano. São 365 maneiras diferentes de aplicar a sustentabilidade no dia-a-dia, ou seja, sempre tem alguma coisa a mais que nós podemos fazer. Ele já está perto do dia 300 e já mostrou que é possível fazer tantas coisas diferentes, criativas e importantes. E tem de tudo, desde alimentação, passando pelo banheiro, pela cozinha, pelo transporte, roupas, água, e assim por diante. Não há limites para Mike Lieberman.

Não estou dizendo que temos que fazer o que ele está fazendo, mas podemos tirar boas ideias e inspirações. Isso porque às vezes nem percebemos que coisas tão simples podem ser tão importantes quando são multiplicadas. É o princípio da teoria do caos sendo utilizada para o bem de todos. O objetivo da revista Atitude Sustentável é esse, de criar um caos positivo, em que cada vez mais pessoas tomem atitudes sustentáveis diariamente.

Nesta edição trazemos reportagens que afetam nosso cotidiano. Para começar, o cotidiano dos pais, que precisam conviver com a frequente birra de seus filhos que querem mais e mais. É aí que começa o consumo desenfreado, mas que pode ser evitado. E que tal ser voluntário? É uma ótima forma de aplicar a sustentabilidade e ainda ajudar as pessoas. A matéria de capa traz um tema bastante atual, que é energia, e como podemos aproveitá-la de uma forma mais eficiente e, claro, mais barata.

Na sequência temos dicas do que fazer com aquela roupa que está jogada no fundo do armário. São muitas ideias e soluções inteligentes e criativas. E chegou a hora de deixar o carro na garagem e explorar a cidade de bicicleta. Além de mais sustentável, é muito mais saudável. Temos ainda uma matéria sobre a água da chuva, que pode ser reaproveitada para várias situações diárias. E em ano de eleições, é bom tomar cuidado e saber o que os candidatos estão pensando sobre o meio ambiente. Ou seja, tem muita informação prática para você.

Aproveito o espaço, também, para convidar todos a conhecer o novo espaço da Atitude Sustentável, agora na internet. É um braço da revista com corpo próprio, para que todos possam ter, todos os dias, um pouco mais sobre atitudes sustentáveis. São notícias, reportagens, blogs, vídeos, rede social, tudo para ter um contato mais próximo com esse mundo e participar junto conosco na busca de um planeta melhor.