Muitos ambientalistas culpam animais de estimação, principalmente cachorros e gatos, por uma parcela grande de poluição ambiental, já que consomem grandes quantidades de produtos e ração.

As casinhas para gatos podem ser empilhadas. (Foto: Divulgação)

Mas já existem no mercado vários produtos que pretendem amenizar esse impacto. Um exemplo são as casinhas em papelão, da marca Ecobichos. O material é 100% reciclável e evita o uso de produtos químicos para a limpeza. Além disso, realiza trabalhos com cooperativas de catadores de papelão, ajudando comunidades carentes.

Bruno Pellegatti e Gunther Prux, criadores da marca, explicam que a matéria-prima utilizada tem certificação ambiental e todo o ciclo é sustentável. A maior dificuldade para esse produto foi a criação do conceito e das primeiras peças, já que não existia ainda nada parecido no mercado.

“A idéia surgiu há mais ou menos um ano, quando percebemos que não existiam alternativas ambientalmente corretas no mercado de casinhas para cães e gatos. Acreditamos que os consumidores de produtos pets sejam pessoas com elevada consciência ambiental, que busquem maior harmonização com o meio-ambiente e, assim, surgiu a inspiração para produzir casinhas sustentáveis e divertidas para pets”, comenta Bruno.

Papelão permite que a casinha seja customizada. (Foto: Divulgação)