Segundo uma pesquisa divulgada ontem pela GS&MD – Gouvêa de Souza, o significado do termo “sustentabilidade” não é claro para os brasileiros, que normalmente relacionam a palavra à outros temas.

Para a pesquisa, a empresa considerou a sustentabilidade como o uso de recursos naturais sem comprometer as necessidades das gerações futuras. Mas, para 45% dos entrevistados, o termo é o hábito de consumir de maneira equilibrada. A média de outros 17 países consultados é de 37%.

Além disso, apenas 44% percebem que os recursos naturais são limitados, contra 50% dos outros países. Mesmo assim, para 75% dos entrevistados reciclar o lixo é um hábito sustentável.

A pesquisa foi realizada em Recife, São Paulo e Porto Alegre com 500 pessoas.