Para diminuir os índices de emissão de CO2 por indústrias e empresas, a Austrália criou um imposto. Uma taxa de aproximadamente R$40 deve ser paga para cada tonelada de CO2 emitida pelas maiores 500 empresas do país.

A medida foi tomada pelo país, um dos maiores emissores de CO2 por habitante, para que as indústrias se preocupem com reduzir as suas emissões e tomar medidas preventivas. Ainda assim, a lei pode aumentar o custo de vida no local.

Mais informações aqui (em inglês).