Segundo o site de notícias BBC, uma nova empresa foi aberta em Edimburgo, na Escócia, para comercializar o processo de produção de biocombustível a partir de whisky e os resíduos da sua fermentação, como grãos.

A Edinburgh Napier Univesity’s Celtic Renewable Ltd vai focar inicialmente seu trabalho na produção de biobutanol – um substituto direto de combustíveis fósseis – produzido com osresíduos do whisky de malte. Segundo pesquisas já realizadas, essa substância pode ter um rendimento até 25% maior que os bioetanóis.

Segundo os pesquisadores, a pesquisa realizada pode ampliar as possibilidades de uso de outras substâncias e para a produção de combustíveis com processos químicos similares. É importante ressaltar que o processo utiliza materiais antes descartados da produção.

Leia mais na BBC (notícia em inglês).