O projeto Village Underground foi feito em Londres, aproveitando um espaço abandonado para servir como palco para diferentes expressões culturais, podendo abrigar exposições, concertos, peças de teatro e outras performances. Além desse espaço, o projeto reutiliza vagões de trens sem uso para montar estúdios para os artistas, que os locam por preços baixos. Atualmente, esses espaos contam com o trabalho de 50 artistas de diferentes áreas.

Uma das características do projeto que o deixa ainda mais sustentável é a ideia de reutilizar antes de reciclar: assim, aproveitam tudo que podem encontrar para construir novos estúdios ou para mobiliá-los. Os estúdios do Village Undergrouns estão localizados no viaduto Rail, na rua Broad. Ele foi construído em 1848 e abandonado há mais de 20 anos.

Em Portugal, por exemplo, a empresa Carris irá doar e ajudar na construção de estúdios similares aos do Village Underground utilizando ônibus antigos.