Com o tema sustentabilidade cada vez mais em alta, o setor da construção civil tem passado por mudanças, buscando alternativas para continuar atendendo à demanda por habitação sem prejudicar o meio ambiente. Nesse cenário, um material que vem ganhando destaque é a madeira. Para discutir o assunto, o arquiteto Marcelo Aflalo, da Univers Design, de São Paulo, vai falar sobre “Arquitetura em madeira no século XXI” na Expo Madeira & Construção, que será realizada de 2 a 4 de dezembro, em Curitiba (PR). “”Vou apresentar um panorama da arquitetura da madeira contemporânea no mundo e isso inclui novas tecnologias, novas linguagens e novos caminhos que estão sendo explorados pela madeira””, antecipa Aflalo.

O arquiteto explica que a grande preocupação com relação às tecnologias da madeira é que existem diversas frentes interessantes rodando pelo mundo, mas nem todas são adequadas ao local onde estão sendo produzidas. “Isso significa o desenvolvimento de uma cadeia produtiva de fornecedores, de arquitetos, de engenheiros, de princípios industriais de construção que otimizam o uso da madeira. “Uma questão adjacente a essa palestra é: o que dessas novas tecnologias e desses novos conceitos arquitetônicos disponíveis em outros países podemos adequar para a nossa realidade, a nossa situação?””, questiona.

Para contextualizar o assunto no mundo, o arquiteto está escolhendo alguns projetos, a maior parte de uma viagem recente que fez pela Europa para visitar obras. “”Conversei com arquitetos e engenheiros, com as empresas que produzem e montam estruturas de madeiras e tentei entender como poderíamos nos encaixar nesse cenário em um futuro próximo e como tudo poderia ser adaptado à realidade brasileira””, revela.

De acordo com Aflalo, existe um contraste muito grande entre a percepção que as pessoas têm da madeira, já que muitos acreditam que se trata de um material rústico. Porém, o que poucos sabem é que existe muita tecnologia e qualidade empregadas nas estruturas. Ele diz que o que viu até hoje descaracteriza completamente a noção de “pobre ou rústico”. Pelo contrário, coloca a madeira num plano de evidência e de sofisticação que pouco se esperava de um material como esse. Segundo o arquiteto, essa discussão é capaz de modificar profundamente a indústria da madeira no Brasil.

“O mundo inteiro não entende como o nosso país não tem uma forte indústria da madeira. “Culturalmente adotamos alvenaria, tijolo ou concreto como resposta natural aos projetos e jamais pensamos na madeira como matéria-prima de alta tecnologia e qualidade, que normalmente não encontramos no concreto, no metal ou no tijolo. Vou mostrar coisas que vão muito além dessa expressão secundária da madeira. Eu quero que o público veja nessa apresentação, com os casos que vou apresentar, uma possível realidade brasileira””, completa.

Evento

A Expo Madeira & Construção vai contar com especialistas no uso da madeira na construção, que apresentarão as últimas tendências no assunto. Para participar da feira, é possível fazer o credenciamento antecipado, que dá acesso à programação científica, coffee breaks e pasta com o material de apoio. O valor é de R$ 400,00. Estudantes têm 50% de desconto no valor da inscrição.

Entre os expositores confirmados estão Associação Brasileira da Indústria de Madeira Processada Mecanicamente (Abimci), ASSIM, Berneck, Conselho de Arquitetura e Urbanismo do Paraná (CAU/PR), Conselho Regional de Engenharia e Agronomia do Paraná (CREA-PR), Embrapa Floresta, Escritório Verde, Fiep/Senai, Grupo Interdisciplinar de Estudos da Madeira (GIEM – UFSC), Instituto Brasileiro da Madeira e das Estruturas de Madeira (Ibramem), Tecverde, Revista Referência, Rothoblaas, Universidade Federal do Paraná (UFPR), Montana Quimica, AkzoNobel, Brookhuis, Gang Nail.

O evento é uma promoção da Associação Paranaense de Empresas de Base Florestal, da Universidade Federal do Paraná (UFPR) e da Federação das Indústrias do Estado do Paraná (Fiep), com patrocínio do Banco Regional de Desenvolvimento do Extremo Sul (BRDE) e da Arauco.

Apoiam a realização da Expo Madeira & Construção e do Simpósio Madeira&Construção: Conselho de Arquitetura e Urbanismo do Paraná (CAU/PR), Instituto de Arquitetos do Brasil – Departamento do Paraná, Conselho Regional de Engenharia e Agronomia do Paraná (CREA-PR), Senai, Sinduscon PR, Companhia de Habitação do Paraná (Coahapar), Associação Brasileira de Produtores de Florestas Plantadas (ABRAF), Associação Brasileira da Indústria de Madeira Processada Mecanicamente (Abimci), Associação Catarinense de Empresas Florestais (ACR), Associação Gaúcha de Empresas Florestais (Ageflor), Instituto Brasileiro da Madeira e das Estruturas de Madeira (Ibramem) e Embrapa Florestas.

Serviço:
Expo Madeira&Construção
Data: de 2 a 4 de dezembro de 2013
Local: Centro de Exposições Horário Coimbra, Campus da Indústria – Curitiba (PR)
Promoção: APRE, UFPR e FIEP
Mais informações: 41 3233.7856 – contato@expomadeira.com.br – www.expomadeira.com.br