O livro de Fernando Almeida mostra como os consumidores estão exigindo mais responsabilidade e padrões mais altos de sustentabilidade das empresas com que se relacionam. Essa mudança no jeito de consumir faz até com que os acionistas e investidores mudem a maneira de investir.

A demanda por transparência e responsabilidade comercial e industrial criou várias saídas. Uma delas, por exemplo, é o índice de sustentabilidade da Bovespa. O livro mostra vários exemplos desse momento do consumo brasileiro.

Em seu terceiro livro, o autor mostra a realidade de 17 grupos empresariais e a jornada deles para a transparência. Narrando as vitórias e percalços das pessoas que já optaram pela sustentabilidade, o autor mostra como é possível adaptar os modelos econômicos vigentes por outros mais condizentes com as necessidades do planeta.

O livro é essencial para a discussão de como atingir a sustentabilidade corporativa e fazer a transição para a Economia Verde.